Autor: Gustavo (page 1 of 1)

Desafios do empreendedorismo feminino, confira aqui

Não só em nosso país, mas em todo o mundo, o empreendedorismo feminino está passando por uma transformação. A cada ano, a presença de mulheres em diferentes áreas recebe mais atenção porque contribui não apenas para mudanças na economia, mas também na lógica da sociedade em que vivemos.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Certificado Cursos Online, plataformas que têm diversos cursos, como, por exemplo, Curso de Informática, analisam perfis de diversas mulheres empreendedoras ao redor do Brasil – nosso país tem o 7º maior percentual de mulheres à frente de seus próprios negócios. Bem, esse é um número impressionante.

Segundo outro estudo, alcançar esse status é o terceiro maior sonho das brasileiras. As mulheres empreendedoras não são exceção, pois ter a própria empresa pode representar vitória em diversos sentidos profissionais e pessoais, pois as mulheres brasileiras ainda enfrentam diversos obstáculos e lutam com diversos preconceitos e tabus impostos pela sociedade.

Por causa disso, os desafios que as mulheres empreendedoras enfrentam no Brasil e ao redor do mundo são ligeiramente diferentes. E não cometa o erro de pensar que depende da economia das empresárias, a desconfiança na acessibilidade das mulheres não tem nada a ver com dinheiro e continua sendo uma realidade constante em muitas áreas da indústria, comércio e sociedade.

Acho que é um atraso em muitos aspectos, pois acreditamos que existe um poder das mulheres como grandes profissionais e líderes de empresas.

O empreendedorismo feminino é algo bom, pois ele pode gerar mais empregos, mais renda, visa melhorar a economia, os mercados e fortalece o Brasil.

Por conta disso, não existem motivos para não apoiar esse movimento de empreendedorismo feminino.

 

Empreendedorismo feminino e os seus desafios

É muito importante que você busque conhecer a melhor forma de lidar com todas essas possíveis dificuldades, então vejamos quais são os principais desafios que as mulheres enfrentam e como o empreendedorismo feminino pode ir além.

Veja:

 

Preconceito

Sem dúvida, esse é um dos maiores obstáculos para as mulheres superarem, já que o preconceito masculino ainda continua muito comum no ambiente de negócios. Embora tenha havido progresso nesse sentido, a imagem da mulher ainda é geralmente associada à imagem de “bonita, digna e caseira”, cuja única responsabilidade é cuidar dos filhos e das famílias. Ainda há um equívoco de que eles não estão aptos a assumir responsabilidades e que são melhores para serem liderados do que para serem líderes.

Discordo totalmente dessa ideia, conheço grandes empreendedores, donos de pequenas, médias e grandes empresas, e eles não perdem para ninguém. Há várias empreendedoras, das mais diversas áreas, que quebram paradigmas, casos de sucesso de empreendedorismo feminino com resultados que podem estar acima da média.

 

Lidar com as cobranças

Também devido ao preconceito, às mulheres empreendedoras podem ser muito mais exigentes do que os homens. Quando uma mulher faz certo, muitas pessoas dizem que é sorte, e é injusto não admitir que na verdade é fruto de sua habilidade e trabalho.

Existem diversos desafios que enfrentamos todos os dias, e a maioria dessas dores vem das inúmeras demandas internas que fazemos. Além disso, a mulher é constantemente bombardeada por pressões de todas as direções: do esposo e dos filhos, e ela precisa ter muita flexibilidade e inteligência com o objetivo de superar os desafios e seguir em frente com determinação e força , para seus sonhos.

 

Coordenar a vida pessoal e profissional

Ser capaz de gerenciar sua empresa e sua vida fora dela é outro desafio para os empreendedores. Para não descuidar dessas áreas, é fundamental sempre contar com o apoio de familiares e amigos.

Nos primeiros dias de começar um negócio, esta pode ser uma tarefa mais difícil, pois leva um certo tempo até que você consiga adaptar seu negócio e torná-lo mais gerenciável, o que quase leva tempo e dedicação à empresa e seus requisitos. Como resultado, você passa menos tempo com seus filhos, parentes, parceiros e amigos, o que pode causar algum conflito e exigir mais das mulheres.

 

Falta de suporte

Todos os fatores que abordamos podem ser resumidos como sendo um grande  desafio da falta de apoio, que diversas vezes ocorre quando o preconceito, a cobrança excessiva e a dificuldade de aceitar mulheres que são profissionais e empreendedoras, além de esposas ou mães que buscam realizar Ela sonha e constrói uma empresa de sucesso.

Como se tudo isso não bastasse, há falta de apoio quando os investidores hesitam em investir em empresas que são lideradas por mulheres, bancos que não lhes dão o crédito necessário para investir na expansão dos negócios e até quando os governos são burocratizados. São muitos processos. Há uma empresa regular que começa a empreender.

 

Superação

Como vimos, existem muitas dificuldades no mundo do empreendedorismo feminino, mas se você pensa que esses desafios podem fazer as mulheres desistirem de suas carreiras, está muito enganado. Na verdade, tudo isso, embora frustrante às vezes para as mulheres empreendedoras, é uma motivação adicional para superar suas limitações, continuar acreditando em suas ideias, abrir suas empresas, ser proficiente em gestão e, o mais importante, que sejam persistentes, tenazes e auto-motivado até que seus sonhos se tornem realidade.

Portanto, se você é mulher e deseja trabalhar dentro do ramo do empreendedorismo, sempre acredite em você, faça a diferença no nicho que você trabalha, vise sempre uma empresa que representa a sua missão, visão e valores. Invista sempre em cursos e seminários, como, por exemplo, se deseja abrir um salão de estética, faça um Curso de Maquiagem Online ou presencial.

Por que se preocupar com o bem-estar financeiro de seus colaboradores?

Quando fizer o planejamento financeiro da sua empresa, pensando em expansão ou até em manejar as finanças na crise, considere investir no bem-estar financeiro dos seus funcionários.

Pessoas sem problemas econômicos são menos estressadas, mais produtivas e até valorizam mais o trabalho.

Para entender tudo sobre esta realidade, continue a leitura porque explicaremos todas as vantagens que o seu negócio obtém quando você investe na saúde financeira dos seus colaboradores.

 

O que é bem-estar financeiro?

O bem-estar financeiro, de maneira resumida, representa a capacidade de pagar as despesas mensais sem estresse e preocupação. Isso também engloba não ter medo de perder o emprego ou não conseguir quitar dívidas.

Ou seja, o bem-estar financeiro acontece quando não há uma preocupação excessiva com as finanças. E essa é uma das grandes perturbações dos brasileiros, responsável por muitos problemas psicológicos.

Assim, investir na saúde financeira é, também, uma questão de necessidade para ter uma vida plena.

 

Por que ele é importante para sua empresa e colaboradores?

Agora eu vou te mostrar por quais motivos você deve se preocupar com o bem-estar financeiro dos seus colaboradores. 

 

Melhora na produtividade

Primeiramente, funcionários sem preocupações são mais produtivos e felizes no trabalho. Uma pesquisa da PWC mostrou que 54% dos funcionários apontam as dificuldades financeiras como o principal responsável pelo estresse.

Ou seja, com essa questão solucionada, as pessoas ficam muito mais focadas em resolver os desafios do dia a dia e conseguem resultados melhores no trabalho.

 

Menor rotatividade

Além disso, um dos grandes benefícios de investir no bem-estar financeiro dos seus funcionários é a redução da rotatividade na empresa.

Os colaboradores valorizam empresas que se preocupam com os funcionários. E quando a empresa investe em melhorar a saúde financeira deles, eles se sentem acolhidos e mais dispostos a trabalhar naquele lugar.

 

Aumenta engajamento

Isso também aumenta o engajamento dos trabalhadores. Imagine uma pessoa com uma dívida alta no cartão de crédito que não sabe como solucionar o problema.

Ela sofre há meses com a situação e a cada nova parcela da dívida o estresse dentro de si só fica mais acumulado. Assim, ela tem dificuldade de trabalhar e até de ter momentos de lazer, por estar sempre preocupada.

Então, a sua empresa ofereceu uma consultoria financeira e, em conjunto com um especialista, essa pessoa conseguiu se organizar para quitar totalmente as suas dívidas.

Com isso, ela se sentiu valorizada e tem até um sentimento de gratidão com a empresa, motivada a trabalhar melhor, com mais produtividade e engajando outras pessoas.

Isso é o que acontece, muitas vezes, quando os funcionários conseguem resolver os seus problemas financeiros graças à ajuda da empresa em que trabalham.

 

Como desenvolver o bem-estar financeiro?

Diante desta realidade, você pode estar se perguntando como fazer para desenvolver o bem-estar financeiro da sua empresa para que os seus funcionários consigam organizar as finanças na crise.

Existem várias alternativas. Você pode contratar especialistas para dar palestras sobre educação financeira, com variados temas que podem ser escolhidos pelos próprios funcionários.

Outra opção é oferecer consultoria personalizada para que os seus colaboradores tenham uma atenção pessoal. Assim, em conjunto com um especialista, é possível traçar um plano de recuperação para voltar a se ter controle sobre as próprias finanças.

Mesmo que o funcionário não tenha dívidas, ele pode aproveitar esta consultoria para aprender a investir, por exemplo, e guardar uma reserva de emergência para situações de crise.

Esses treinamentos e consultorias podem abordar temas básicos como o uso consciente do cartão de crédito, a importância do planejamento financeiro no momento de pedir um empréstimo pessoal e a forma de negociar dívidas com os bancos usando o poder de barganha dos consumidores.

Também é recomendado que você inclua o tema substituição de dívidas, porque muitas pessoas não sabem como funciona essa possibilidade de solução financeira.

Dívidas do cartão costumam ter as maiores taxas de juros, por exemplo. Por isso, os colaboradores com esse tipo de dívida podem trocá-las por opções mais baratas, como empréstimos com garantia de veículo ou com garantia de imóvel, que possuem taxas mais baixas.

 

Considerações finais

O objetivo deste texto foi mostrar a você o quanto vale a pena ajudar os seus funcionários a organizar as finanças na crise através de uma educação financeira de qualidade.

Nesse contexto, lembre-se de que isso melhorará a produtividade da sua empresa, reduzirá a rotatividade do negócio e ainda aumentará o engajamento dos colaboradores com o negócio.

Assim, busque oferecer treinamentos e consultorias que tratem sobre empréstimo, cartão de crédito, negociação de dívidas e outros temas relacionados à saúde financeira para que os funcionários se sintam valorizados e possam solucionar os seus problemas econômicos com a ajuda da empresa.

O que é Social Media

O Social Mídia visa criar e manter conexões entre as pessoas por meio de uma plataforma interativa e compartilhar informações com outras pessoas.

Ele foi desenvolvido para que as organizações fortaleçam suas conexões com clientes, clientes, parceiros e outras pessoas. Dessa forma, as empresas que desejam causar impacto em seus mercados devem adotar essas ferramentas e obter os melhores resultados.

Existem muitos sites de mídia social que muitas pessoas ao redor do mundo costumam usar. Um dos mais populares é o Twitter, Instagram e o Facebook, considerados os “superpoderes” da Internet.

Eles são usados ​​como redes pessoais e profissionais, que permitem que as pessoas postem mensagens curtas, anúncios ou qualquer outra coisa que queiram dizer. Eles são comumente chamados de redes Web 2.0.

Ao contrário da mídia tradicional, a mídia social oferece mais opções para os usuários. Além de postar mensagens nas redes sociais, os usuários também podem criar perfis nessas mídias.

Ao fazer isso, eles podem mostrar seus gostos, interesses ou hobbies. Outros podem seguir esses perfis ou até mesmo comentar sobre eles. No entanto, eles precisam fazer isso de acordo com os termos e condições do site ou da rede.

Também é uma boa prática ler as regras e regulamentos de cada rede para evitar problemas no futuro.

As redes sociais são uma ótima fonte de aprendizado para todos. Isso ocorre porque seu formato permite que o usuário faça perguntas ou compartilhe opiniões.

O usuário pode construir sua comunidade, que é composta por seus amigos. Ele também pode compartilhar seus termos-chave e outras informações vitais sobre essas plataformas.

Isso ocorre porque essas plataformas coletam dados e informações em arquivos, aplicativos e aplicativos que os usuários assinam ou baixam para seus sistemas.

Estas são as principais vantagens de ter uma conta em um site de rede específico:

  • Você pode usá-lo para interagir com seus amigos e outros membros.
  • Você pode marcar presença nesses sites e começar a aprender sobre seus principais termos e cultura.
  • Você pode interagir com outras pessoas e aprender como elas se relacionam com a mídia.

Algumas pessoas pensam que a mídia social é apenas algo onde você pode expressar seus sentimentos e emoções.

No entanto, existem lições importantes aqui, incluindo a construção de comunidades, o desenvolvimento de uma identidade, o compartilhamento de experiências e o compartilhamento de conhecimento.

É uma questão de construir sua individualidade e identidade por meio dessas mídias. Saiba mais sobre os principais pontos dessa mídia hoje.

Quando alguém pergunta, “o que é mídia social?”

A plataforma usual que vem à mente é o Facebook.

Mais pessoas ao redor do mundo passam mais tempo no Facebook do que em qualquer outro site ou plataforma.

Meios de comunicação

Mídia é uma das definições mais significativas de Mídia Social e uma das maiores razões para sua crescente popularidade. Além disso, Mídia também é uma das definições mais confusas.

Refere-se a qualquer tipo de informação que você possui em seu computador e pretende compartilhá-la com o resto do mundo. Isso inclui fotos, clipes de áudio, videoclipes e vários tipos de texto.

Engajamento significa manter seus seguidores engajados. Você deseja ter certeza de que seus seguidores estão fazendo comentários e postagens relevantes para sua marca ou produto.

Também é uma boa ideia acompanhar o nível de engajamento de seus seguidores. Verifique as estatísticas em sua página do Facebook e veja qual porcentagem de sua página é de fãs de sua marca.

Se mais da metade de seus seguidores estão ativamente engajados com você, então você está indo bem!

Seu público é o grupo de pessoas que provavelmente comprará tudo o que você está oferecendo.

Engajar seu público e mantê-lo engajado permitirá que você converta esse engajamento em vendas. Você deseja criar postagens oportunas e interessantes e oferecer algo novo ou diferente para seus seguidores.

É por isso que é uma boa ideia verificar as estatísticas em sua página do Facebook e verificar se o engajamento de seu público está aumentando ou diminuindo.

Ajudaria se você também se concentrasse em como usar as métricas de mídia social para rastrear seus resultados.

O marketing de mídia social envolve engajamento e engajamento de seu público. É por isso que é importante ter objetivos claros ao começar.

Que tipo de mudança você deseja fazer? Que tipo de conteúdo você deve publicar? Com essas respostas em mãos, você pode começar a configurar métricas para ver quais atividades estão tendo mais engajamento e quais não.

Hashtag

O mecanismo de pesquisa do Google é para onde muitas pessoas vão quando digitam as palavras-chave que procuram na caixa de pesquisa. Portanto, ao criar conteúdo usando o método #hashtag, ele deve estar visível na primeira página do Google. Para fazer isso:

Quando terminar de criar suas postagens usando o método hashtag, comece a pesquisar a hashtag no Google.

Quando você vir a primeira página de resultados, tente alterar suas palavras-chave.

A hashtag serve como sua plataforma para compartilhar conteúdo usando a hashtag. Ativistas de mídia social devem criar manchetes atraentes usando a hashtag.

Depois de postar o título, tente twittar a hashtag junto com um slogan atraente. Esta é uma forma eficaz de utilizar o poder da mídia social.

Rede social

Rede social também é outro termo importante. Muitas pessoas já ouviram falar sobre redes sociais, mas não têm certeza do que seja. É a capacidade de interagir socialmente na internet.

Isso pode ser feito fazendo amigos, seguindo outros usuários, postando comentários e sugestões e até mesmo enviando e compartilhando fotos.

Twitter

Junto com o Facebook, este é o serviço de micro blog mais popular e ainda gratuito que permite que usuários registrados postem pequenos gracejos chamados tweets. Os usuários do Twitter podem postar tweets e seguir os tweets de outros usuários por meio de vários dispositivos.

Google+

Google plus é o site de rede social do mecanismo de busca do Google. Basicamente, ele reproduz a forma como as pessoas interagem em outros sites de mídia social.

Geralmente funciona em conjunto com outros sites baseados no Google, como Gmail e YouTube.

LinkedIn

Este é um site de rede de comunidade social desenvolvido para a comunidade empresarial e profissionais em geral. O site permite que usuários registrados estabeleçam e se conectem com pessoas em um nível empresarial e profissional. Este site é considerado um site de rede de mídia social para aumentar as conexões B2B (business-to-business).

Pinterest

Este é um site de curadoria social para compartilhar e categorizar imagens enviadas e enviadas por usuários. O Pinterest geralmente solicita descrições completas de todas as imagens visuais.

O que torna o site único é que quando você clica em uma imagem, ele o leva para a fonte original da imagem. Por exemplo, se você clicar na imagem de um vestido ou vestido, será levado ao site original, onde poderá comprá-lo. A imagem de um bolo de chocolate pode levar você ao site onde você pode encontrar a receita.

O que é o famoso mídia social?

Às vezes chamado de SMM, quando você pergunta o que é marketing de mídia social, trata-se apenas do uso de sites de redes sociais para ajudar na campanha de uma empresa para aumentar a exposição da marca, alcançando o alcance do cliente e mercados-alvo.

O objetivo usual dos profissionais de marketing de mídia social é criar e fazer a gestão das redes sociais, conteúdo exclusivo que atrairá os usuários para compartilhá-lo em outras redes de mídia social.

Análise de mídia social

É a prática de coletar dados de blogs e sites de mídia social para analisar todos esses dados e avaliar se uma campanha de marketing está indo bem ou não. Também é usado para medir se um produto ou marca está sendo exposto de maneira adequada.

O método mais comum de análise de mídia social é reunir os sentimentos do cliente tanto positivos quanto negativos para avaliar as atividades de atendimento ao cliente.

Otimização de mídia social

O SMO é quase semelhante à otimização de mecanismo de pesquisa (SEO) para atrair novos visitantes a um site, adicionando links de mídia social ao conteúdo, compartilhando postagens com links ou promovendo atividades por meio de atualizações de status, tweets e postagens voltada para blog.

No geral, a mídia social pode ser uma ferramenta poderosa para o desenvolvimento de negócios.

No entanto, leva tempo e esforço para construir sua marca e aumentar o tráfego para seu site. É vital manter seu conteúdo atualizado e exclusivo para fazer com que os clientes voltem para ver o que há de novo.

Seguir essas três etapas ajudará você a entender o que é mídia social e como usá-la para beneficiar sua empresa.

Controle de ponto remoto, como funciona?

Com a pandemia causada pelo novo coronavírus, o isolamento social tornou-se uma obrigação para evitar que a situação se torne ainda mais grave.

A maioria das empresas foi obrigada a mudar a forma de trabalho, aderindo ao home office como alternativa para manter as atividades.

Dessa forma, o controle de ponto remoto tornou-se a alternativa mais segura para que os empregadores tenham controle sobre os horários de trabalho dos colaboradores.

Essa alternativa é vantajosa para ambas as partes.

Se por um lado o empregador consegue saber se o empregado está de fato comprometido com o trabalho, o colaborador tem controle sobre a quantidade de horas trabalhadas diariamente.

Essa forma de marcação de ponto é totalmente legal e tem como principal objetivo preservar os direitos das partes envolvidas.

Veja abaixo quais são as vantagens do controle de ponto remoto

1.  Maior controle sobre as atividades dos colaboradores

O sistema  home office era uma novidade para vários segmentos do mercado.

Sendo assim, muitos colaboradores foram impactados com a mudança na forma de trabalho, o que dificultou a adaptação.

A marcação de ponto remota contribui para que o empregador consiga monitorar os horários de trabalho de cada colaborador.

Embora esse controle pareça algo arbitrário, o gestor de RH tem papel fundamental na fase de adaptação.

Ao perceber que o funcionário não está cumprindo os horários conforme o determinado, é preciso conversar com ele para entender os motivos e oferecer o suporte necessário.

 

2. É uma medida legal

Outra grande vantagem do controle de ponto remoto  é que ele é uma medida legal, portanto colaboradores e empregadores estão seguros.

Quando há a impossibilidade de marcação de ponto na empresa, a Lei permite que sejam criadas alternativas.

Desvantagens

Embora seja eficaz na marcação de ponto, essa forma de controle também apresenta vantagens.

Veja abaixo quais são elas:

 

1.  Provas inconsistentes

Uma das desvantagens  do controle de ponto remoto  é que mesmo sendo possível monitorar os horários de entrada e saída não há como garantir que o colaborador está efetivamente trabalhando.

Essa questão pode influenciar em situações em que há necessidade de dispensa, especialmente quando resulta em ações trabalhistas.

 

2. Divergências legais

Essa talvez seja a maior desvantagem desse sistema de controle de ponto. Pois embora seja uma medida legal, há divergências nas portarias do MTE.

Uma delas defende a possibilidade de uso do controle de ponto remoto  deve ser decidido em convenção ou acordo coletivo.

Enquanto que outra, específica que essa alternativa deve ser homologada junto ao órgão para ter validade legal.

Conclusão

Embora apresente vantagens e desvantagens, o controle de ponto remoto  é uma excelente alternativa para o sistema de trabalho home office.

Escolha um desenvolvedor qualificado e experiente no desenvolvimento de sistemas de controle de ponto e leve essa realidade para a sua empresa.

Como melhorar com a auto-reflexão

Se você deseja melhorar suas habilidades, precisa ver três coisas claramente: o que você está tentando fazer, o que está fazendo e o que pode fazer para preencher a lacuna entre elas.

Se houver um especialista à mão, ele ou ela poderá fornecer feedback sobre seu desempenho.

Mas e as muitas vezes em que ninguém te vê em ação, como no coaching quando é apenas cliente e coach?

É possível gerar auto-feedback sobre o seu desempenho através da reflexão.

Neste artigo, compartilhamos o processo de três etapas.

O coaching, trabalha principalmente individualmente com os clientes. 

A menos que eu grave a conversa, com permissão, é claro, ninguém testemunha a conversa. 

Às vezes, os clientes dão feedback, o que é útil. No entanto, o feedback deles é da perspectiva de um cliente e não de um treinador qualificado. 

Os clientes não entendem completamente o que eu pretendia fazer, nem o que um treinador mais qualificado poderia ter feito.

Muitas de nossas atividades de liderança também não são vistas por outras pessoas. 

Por exemplo, a troca entre você e um colega de trabalho no salão após uma reunião. Ou o compromisso de vendas com um cliente que não resultou em um pedido. 

Ou o email que você escreveu e a resposta que ele provocou.

A auto-reflexão traz melhorias na habilidade

A auto-reflexão é uma poderosa ferramenta de melhoria. Reflexão é a capacidade de pensar de novo, observar-se em ação e aprender com ela.

Todos os dias temos experiências que são, de certa forma, grandes ou pequenas, diferentes daquelas que encontramos anteriormente. 

Não éramos apenas espectadores dessas experiências. Pensamos, sentimos e agimos (ou não agimos) durante eles.

Freqüentemente, não temos conhecimento do que aconteceu, então perdemos os benefícios dessas experiências. 

Se não percebermos o que aconteceu, não podemos aprender com eles e, assim, perder oportunidades de melhorar e crescer.

 

O produto de nossa reflexão pode produzir modelos de pensamento e comportamento que desejamos continuar. 

Também pode fornecer avisos sobre o que queremos evitar no futuro. Esses são os dois lados da moeda do aprendizado: modelos e avisos.

Um processo de três etapas para melhorar com a auto-reflexão

Comece pensando em uma atividade específica de liderança na qual você desempenhou um papel.

Pode ser uma conversa de coaching, uma ligação de vendas ou um encontro com seu adolescente – qualquer coisa em que você queira refletir. Limite-o a uma situação específica.

  1. Reflita sobre sua experiência. Pense no que você fez, pensou e sentiu no momento.
    • O que eu experimentei durante a conversa?
    • O que aconteceu dentro de mim durante a conversa?
  2. Reflita sobre seu aprendizado.  Analise sua experiência e compare com os modelos ou princípios que você deseja seguir.
    • O que essa experiência me diz?
    • O que posso aprender?
  3. Aplique à sua prática. Aplique seu aprendizado à sua prática. Considere quais opções você tem para a próxima vez que enfrentar uma situação semelhante.
    • Que opções eu vejo para a próxima vez que encontrar essa situação?
    • O que pretendo fazer especificamente com base na minha reflexão?

Algo poderoso acontece quando escrevemos nossas reflexões. 

Funciona assim: pensamos em pensamentos dispersos e incompletos. 

Escrever nos obriga a nomear e descrever nossos sentimentos e pensamentos de maneiras concretas. 

Ao escrever, usamos palavras e frases específicas para nos mover além de pensamentos incompletos para uma reflexão mais profunda.

Pronto para tentar? 

Pense em uma situação recente em que você gostaria de considerar seu desempenho. 

Faça as três etapas acima. 

Não apenas pense nelas, escreva suas respostas, você descobrirá que seu pensamento se tornará muito mais esclarecido e concreto.