Arquivos (page 2 of 6)

Como o Coaching pode ajudar nas suas finanças?

O coaching financeiro coloca você no comando do seu dinheiro para que você possa ter uma vida gratificante.

Os problemas do dinheiro são uma fonte comum de estresse. O coaching o ajudará a superar seus sentimentos negativos em relação ao dinheiro. Você deixará de ignorar os problemas e começará a encontrar soluções para fazer os seus pagamentos.

O coaching mostra como resolver uma ampla gama de problemas financeiros, incluindo:

  • Supere crenças negativas sobre si mesmo
  • Não poder pagar suas contas
  • Reserva para emergências
  • Economia para a aposentadoria
  • Gastos fora de controle

Com o coaching, você explora seu relacionamento com dinheiro. Às vezes, existem razões emocionais para gastos fora de controle. Mesmo quando você tem uma boa renda, maus hábitos de gastos levam a problemas e oportunidades desperdiçadas.

Ao desenvolver uma abordagem clara do dinheiro, você definirá novas metas financeiras.

O COACHING ENSINA A CONTROLAR E ECONOMIZAR

Não importa sua renda, o orçamento e a economia são críticos para sua vida. Ao definir limites, você se sentirá no controle do seu dinheiro. E você terá o suficiente para pagar guloseimas e despesas inesperadas.

O coaching financeiro desenvolve suas habilidades com o dinheiro. Se você nunca aprendeu a fazer um orçamento, o coache o ensinará. Depois de criar uma estrutura, o coaching funciona em sua mentalidade. Você aprenderá a pensar de maneira positiva sobre dinheiro. Você se concentrará nas recompensas da autodisciplina em vez de adotar hábitos antigos.

A economia fará parte de qualquer plano de orçamento. Com o coaching, você se sentirá orgulhoso em vez de privado quando reservar dinheiro. E a paz de espírito que advém de economizar pessoal não tem preço.

O coaching mostra como nutrir as habilidades cruciais do orçamento e da economia. Com incentivo, o coache o guia para hábitos positivos. E seu relacionamento com o dinheiro mudará para melhor.

COMECE A PENSAR A LONGO PRAZO

Você também precisa ter objetivos financeiros de longo prazo. Com o coaching financeiro, você deixará de andar de ano para ano sem nenhum plano para o futuro.

O coaching ajuda você a:

  1. Saia da dívida e fique fora dela – é necessário um planejamento para quitar suas dívidas. E o coache mostra como criar novos hábitos que impedem que você gaste negativamente.
  2. Aprenda sobre o investimento – mesmo que suas finanças diárias estejam indo bem, talvez você tenha vergonha de investir. O coaching financeiro oferece uma maneira de aprender suas opções com alguém que não está vendendo investimentos.
  3. Avalie os investimentos que você já possui – Se você já possui investimentos, um coach financeiro o ajuda a decidir se eles estão atingindo seus objetivos.
  4. Economize para comprar uma casa – Reunir um adiantamento e qualificar-se para um empréstimo requerem planejamento. Com o coaching, você descobrirá o que precisa fazer para chegar à casa dos seus sonhos.
  5. Plano de aposentadoria – Todo mundo precisa fazer isso. O coaching fornece feedback objetivo sobre suas necessidades e objetivos.

É necessário um planejamento financeiro cuidadoso para evitar o estresse. O coaching para o sucesso financeiro o libera de preocupações e oferece muitas recompensas.

Como fazer uma reclamação no Procon?

Você sabe como fazer uma reclamação no Procon? Se você quer saber mais sobre isso, mas não sabe onde pesquisar, chegou ao local certo!

Nesse sentido, veja na matéria de hoje como fazer uma reclamação no Procon da sua região! Confira!

Afinal, como fazer uma reclamação no Procon?

Antes de mais nada, saiba que é possível fazer a sua reclamação pessoalmente, caso o seu direito do consumidor tenha sido violado, ou através do telefone ou site. Por isso, vamos deixar abaixo os meios digitais para reclamar.

Entretanto, você pode ir presencialmente resolver as suas demandas se preferir. Veja só:

Amapá: Primeiramente, você pode acessar o Procon do Amapá neste link e fazer as suas demandas totalmente online.

  1. Amazonas: Bem como, o Procon Amazonas oferece atendimento neste link ou através do WhatsApp (92) 98842 3030.
  2. Bahia: Entretanto, o Procon da Bahia possui atendimento pelo e-mail denuncia.procon@sjdhds.ba.gov.br, pelo app ou pelo site.
  3. Ceará: Sob o mesmo ponto de vista, você que mora no Ceará pode reclamar pelo site do Procon estadual, clique aqui.
  4. Distrito Federal: Ademais, no Distrito Federal também há a opção de reclamar online. O site é este aqui.
  5. Espírito Santo: O Procon do Espírito Santo está também totalmente conectado. Para reclamar, clique aqui e acesse o site da instituição.
  6. Goiás: Do mesmo modo, Goiás também oferece atendimento online. Para isso, acesse o site e faça a sua reclamação.
  7. Maranhão: Além disso, o Procon Maranhão também tem uma página online para reclamações. Ela está disponível neste link.
  8. Mato Grosso: Em contrapartida, você precisará acessar o Portal do Consumidor para deixar a sua reclamação no Procon de Mato Grosso. Acesse o site e saiba mais.
  9. Minas Gerais: Em Minas Gerais, você pode deixar a sua reclamação através da página do Procon estadual.
  10. Pará: Entretanto, o Procon do Pará não possui nenhuma página de formulário ou atendimento. Para reclamar, você deve mandar mensagem para o e-mail pelo e-mail atendeprocon01@procon.pa.gov.br ou para o WhatsApp, no número (91) 99230-0151.
  11. Paraíba: Já no estado da Paraíba, você pode reclamar nesta página. Bem como, pelo WhatsApp: (83) 98618 8330.
  12. Paraná: Além disso, o Procon do Paraná também possui uma página onde você pode fazer as suas reclamações. Clique aqui e acesse a página.
  13. Pernambuco: Em contrapartida, o Procon de Pernambuco não possui nenhuma página de formulário ou atendimento. Para reclamar, você deve mandar mensagem para o e-mail pelo e-mail denuncia@procon.pe.gov.br ou para o WhatsApp, no número (81) 3181-7000.
  14. Piauí: Sob o mesmo ponto de vista, o atendimento do Procon do Piauí também deve ser feito pelo e-mail atendimentoprocon@mppi.mp.br ou pelo WhatsApp, nos números: (86) 98122-4746, (86) 98162-8247, (86) 98195-5177 e (86) 98190-7983.
  15. Rio de Janeiro: Já no Procon do Rio, você pode reclamar pelo site, neste link ou através do WhatsApp pelo número (21) 99374-1505.
  16. Rio Grande do Norte: Além disso, o Procon do Rio Grande do Norte também faz reclamações de modo online. Para isso, clique aqui.
  17. Rio Grande do Sul: Da mesma forma, você acessa o Procon do Rio Grande do Sul totalmente online, nesse link.
  18. Rondônia: Sob o mesmo ponto de vista, o morador de Rondônia pode reclamar no Procon estadual através desta página.
  19. Roraima: Entretanto, o Procon de Roraima recebe as reclamações pelo WhatsApp e ligação. Desse modo, o número de contato é o (95) 98401-9465.
  20. Santa Catarina: Em contrapartida, o consumidor de Santa Catarina, o consumidor pode reclamar no Procon através desta página.
  21. São Paulo: Em São Paulo, o consumidor pode acessar o site do Procon para realizar a sua solicitação/reclamação. Clique aqui.
  22. Sergipe: Do mesmo modo, as reclamações podem ser feitas online no estado de Sergipe. Para isso, acesse o site.
  23. Tocantins: Por fim, o Procon do Tocantins também possui atendimento online. Para isso, clique aqui e faça a sua reclamação.

Agora você sabe como fazer uma reclamação no Procon em cada estado da federação. Não se esqueça de compartilhar esse post nas suas redes sociais!

Como identificar ganhos rápidos para suas metas de marketing

IDENTIFIQUE FRUTAS MAIS BAIXAS

O que pode ser feito imediatamente para aumentar os leads e / ou vendas com base no trabalho que você fez até agora para gerar leads? Já faz algum tempo que você recebe ligações anteriores? Pode haver algumas oportunidades perdidas que estão prontas para se converter agora, com um pouco de incentivo.

TRANSFORME OS CLIENTES EM CLIENTES RECORRENTES

Pode haver uma grande receita na atualização de clientes ou na adição de produtos e serviços adicionais. Você tem um plano para isso? Não deve caber à equipe de atendimento ao cliente apenas transformar clientes em clientes habituais. E como eles já o conhecem, também é uma venda muito fácil de fazer … aumentando a receita com bastante rapidez neste segmento.

USE ANÚNCIOS PARA GERAÇÃO IMEDIATA DE LEADS

Anúncios Pay Per Click, seja no Google, Bing ou uma plataforma social, podem gerar leads de que você precisa agora. Como você ainda não configurou totalmente sua estratégia de conteúdo, eles podem ser um pouco mais caros do que mais tarde, quando o conteúdo tiver sido criado em relação aos anúncios. Mas os anúncios funcionam. E eles funcionam bem se executados corretamente. Embora também possam fazer parte de uma estratégia de longo prazo com foco em anúncios primeiro, você pode obter ganhos rápidos de que você pode precisar para mostrar alguns resultados para o alto escalão.

Trabalho em direção a metas de marketing e vendas de longo prazo.

AVALIE O SEO ATUAL

Você precisa ter uma linha de base de quão visível seu site é e quanta autoridade o Google dá a ele. Esta é uma avaliação de duas partes

Auditoria de conteúdo – sua agência precisa entender não apenas o que você tem no site, mas também quais outros materiais estão disponíveis para sua equipe de vendas usar e que podem transformar em conteúdo útil no site. A auditoria de conteúdo também avaliará o quão bem o seu conteúdo da web corresponde aos seus tópicos-chave direcionados.

Auditoria técnica de SEO – sua agência de seo também deve realizar uma avaliação técnica de SEO para ver se há aspectos do site que podem estar prejudicando sua capacidade de aparecer nos resultados orgânicos. Esperançosamente, eles podem fazer essas atualizações para você, mas se não, você precisará planejar a disponibilidade de sua equipe da web para fazer as alterações recomendadas que irão melhorar sua visibilidade nos resultados de pesquisa.

CRIE UM PLANO DE CONTEÚDO E EXECUTE-O

Com base no que você encontrou, você e a agência devem trabalhar juntos para criar um plano de conteúdo. Isso normalmente inclui mais páginas da web, blogs, conteúdo premium (também conhecido como ímãs de chumbo) e / ou vídeo. Todas essas coisas, quando focadas corretamente nos tópicos pelos quais você quer ser conhecido, irão melhorar seu tráfego orgânico. A maioria das pessoas tem um calendário de conteúdo e o distribui em fases.

Dependendo do seu orçamento, não é o processo de movimentação mais rápido que você já viu. E é importante saber isso imediatamente. Espere que o desenvolvimento de conteúdo e as atividades de SEO levem de 6 semanas a 6 meses antes de realmente mudar o curso de forma significativa. Pode ser mais rápido. Mas não é garantido. É por isso que você veicula anúncios como parte das estratégias de curto prazo.

Inicie o relógio a partir do momento em que você adicionou o conteúdo ao site. As mudanças em sua visibilidade orgânica dependerão de vários fatores, incluindo a longevidade do seu site, a quantidade de conteúdo que você tem no mesmo tópico e como esse conteúdo é organizado.

Certifique-se de observar onde você começou e como as coisas estão indo a cada mês. Pode haver um pouco de progresso a cada mês e, depois de vários meses, um salto mais significativo na visibilidade do seu conteúdo. Mais sobre isso na seção de relatórios a seguir.

NUTRIR LEADS PODE DEMORAR UM POUCO

Literalmente, leva tempo para nutrir leads ao longo da jornada do comprador. Você pode incentivá-los a agir, mas eles farão isso quando estiverem bem e prontos. E isso requer paciência.

Também é necessário haver um plano para encorajar novos clientes a espalhar a palavra sobre suas grandes experiências. Isso pode realmente ajudar a aumentar o número de leads que você receberá no futuro.

O que esperar ao criar um novo conteúdo – escrever, editar, projetar, publicar – todos os processos que levam tempo.

Relatar os resultados é crítico

É surpreendente para mim a frequência com que os clientes me dizem que sua última agência simplesmente não lhes deu relatórios. Isso não significa que eles não estavam sendo executados. Mas significa que o cliente não estava envolvido nas discussões sobre o que fazer a seguir tanto quanto deveria.

Você deve esperar que sua agência mostre o que está indo bem (é claro). Mas eles precisam ser capazes de falar com você sobre o que não está indo como planejado ou está demorando mais do que o esperado para obter os resultados esperados. É assim que você pode controlar suas expectativas. E é assim que você pode ter certeza de que o restante da sua organização entende o que esperar.

No mínimo, espere uma reunião mensal com a agência de marketing. Durante essa discussão, você deve ir até o fim.

Um relatório comparando os resultados anteriores e os resultados atuais.

O que funcionou bem para produzir os resultados, incluindo exemplos.

O que não tem dado certo e um plano para mudar para que funcione melhor.

Uma discussão voltada para o futuro.

Certifique-se de compartilhar com a agência todas as decisões da empresa para mudar seus objetivos ou estratégias.

O que a agência recomenda para colocá-lo de volta nos trilhos se os resultados não forem ideais?

Existem áreas em que o cliente ou a agência tem enfrentado dificuldades, como comunicação, tempo de resposta, etc. Ser aberto sobre isso evitará que as pessoas apontem o dedo umas para as outras mais tarde.

E … a cada reunião … decidir se há necessidade de ajustes nos planos com base em eventuais mudanças na direção da empresa e com base nos resultados alcançados até o momento.

Com cerca de 9 meses, você deve estar avaliando para onde ir no próximo ano e como o relacionamento está indo até agora. Se houver pontos difíceis, converse sobre eles para que você possa voltar aos trilhos e manter o relacionamento intacto. Consistência é fundamental no marketing, e alternar entre as agências pode atrasá-lo.

Para ajudar você a ter um relacionamento ainda melhor com sua agência de marketing, estas são algumas dicas que o ajudarão a produzir mais e melhores resultados.

Os atributos importantes de um espaço de trabalho bem-sucedido

O segredo para um espaço de trabalho melhor

Ter uma comunidade forte é a base de todo escritório de coworking de sucesso. Independentemente do tamanho da vila ou cidade, as pessoas têm uma necessidade intrínseca umas das outras. O espaço é um artefato dessa necessidade, mas isso muda a maneira como você precisa entrar em contato com essas pessoas.

Antes de abrir um escritório de coworking, concentre-se em encontrar 10 pessoas que o desejem. Mais importante, encontre 10 pessoas que querem estar perto umas das outras , mas não têm uma boa maneira de fazer isso. Encontre 10 pessoas com um objetivo comum maior do que o escritório de coworking. Esta é uma meta pequena, mas alcançável para a fundação de uma comunidade.

Indy Hall está nisso há mais de 6 anos e levamos quase um ano inteiro para construir a comunidade que precisávamos abrir, e que era em um grande metrô. Portanto, você também precisa de um pouco de paciência.

O que você tem agora que não tínhamos 6 anos atrás é que o coworking tem um pouco de tração como palavra e conceito. Mas cabe a você mostrar que vale mais do que apenas “compartilhar mesas”.

Observando cuidadosamente o cenário internacional de coworking, os sinos mortais comuns são assim tão comuns. Os escritórios de coworking começam sem comunidades e, em seguida, eles têm que “fazer compras enquanto estão com fome”

Outro problema comum é a falta de diferenciação. Criar um espaço compartilhado sem um objetivo comum significa que não há identidade, o que significa que não há como saber se devo estar lá ou não. Não há contexto para conexões e relacionamentos. Se há um motivo para entrar pela porta, não há muito motivo para ficar.

Um tiro mortal mais comum em escritórios de coworking é que o fundador passa mais tempo fazendo coisas para seus membros do que ajudando os membros a fazerem coisas por si mesmos. Isso leva à exaustão e ressentimento, independentemente de como a comunidade cresce. Se não crescem, sentem que seu esforço foi perdido. Se eles crescem, eles sentem que precisam ser responsáveis ​​por tudo.

Finalmente, tenha um modelo de negócios sustentável. Equilibrar não é suficiente. Você não precisa ser ganancioso, mas precisa ter dinheiro para reinvestir. Os melhores escritórios de coworking possuem um modelo que permite o crescimento financeiro e o reinvestimento. Além disso, o modelo depende do sucesso da comunidade. Se a comunidade é saudável, o negócio também está. Dessa forma, você pode se concentrar na comunidade sabendo que, se acertar, o negócio também crescerá. Isso ajuda a evitar armadilhas comuns, como “maximizar para o lucro” porque a maneira mais fácil de fazer isso é “maximizar para a comunidade” sabendo que o lucro pode vir junto.

Portanto, a comunidade – e as mudanças relacionadas em como você aborda a liderança – são muito mais importantes do que a maioria dos elementos “táticos” porque, sem uma comunidade, não há ninguém por quem ser tático.

Há pelo menos 5 coisas que você deve considerar ao procurar espaços de escritório compartilhados e de trabalho compartilhado. São os seguintes:

  • Custo – Certifique-se de que o espaço do escritório seja acessível.
  • Visibilidade – certifique-se de que o espaço do escritório seja visível para seus clientes e clientes em potencial.
  • Acesso à internet – Existem hoje empresas de escritórios que oferecem acesso mensal ilimitado à internet que acompanha a fatura. Você deve ter esse recurso, pois é uma oferta irresistível.
  • Tamanho – certifique-se de que o espaço de escritório que você está alugando é confortável e adequado para os clientes (nem muito grande nem muito pequeno).
  • Acesso a linhas telefônicas – os telefones são vitais para as comunicações comerciais. Certifique-se de que serviços como este já estejam incluídos no pacote de serviços.

Uma comunidade de coworking não se torna bem-sucedida por causa de algum conjunto padrão de atributos que fornece, mas sim por causa dos atributos não padrão que fornece, que podem torná-la única e fazer com que ela prospere.

O conceito de criar a comunidade primeiro – antes de abrir as instalações de coworking – se presta a essa singularidade que atrai outras pessoas para uma comunidade da qual eles vão gostar de estar.

Para muitos, a singularidade das pessoas que fazem negócios ali é o que mais atrai. E, nesse caso, não existem duas comunidades de coworking exatamente iguais.

Mais em: https://beeworkrp.com.br/o-que-e-um-endereco-fiscal-quanto-custa-e-como-contratar/

Como os benefícios empresariais ajudam no engajamento do colaborador

Os benefícios empresariais estão longe de ser apenas um luxo para os funcionários. Isso porque eles também representam uma grande vantagem estratégica para as próprias empresas, pois o nível de satisfação e bem-estar dos colaboradores pode ser revertido em ótimos ou péssimos resultados na produtividade de toda a corporação.

A alegria do funcionário é a alegria da gerência. Isso porque pequenas atitudes como demonstrar para o colaborador que sua parceria é importante e apreciada pode melhorar o ambiente de trabalho e até mesmo aumentar os níveis de produção de toda a empresa.

Em contrapartida, sua falta de motivação pode contagiar toda a equipe, prejudicando o alcance de metas, a qualidade do serviço realizado e até aumentando os níveis de estresse no ambiente corporativo. 

Tudo isso pode ser evitado ao investir em benefícios como vale alimentação, seguro de vida, auxílio academia ou um plano odontologico.

Importância de ter funcionários engajados

O engajamento individual dos funcionários com suas atividades é primordial para a realização de tarefas bem feitas e para a produtividade de todos, mas tal aspecto pode ser estimulado pelos gestores.

Isso porque a sensação de satisfação com a empresa e com as funções realizadas gera, no colaborador, o desejo de alcançar melhores resultados e bater as metas propostas, também de modo a se desenvolver.

Essa motivação é também importante para a dinâmica corporativa. Um grupo de trabalho desinteressado gera um ambiente estressante e hostil, o que promove a insatisfação geral e a queda do desempenho.

Essa falta de engajamento pode impactar no seu negócio como um todo, causando, por exemplo:

  • Maior índice de procrastinação;
  • Falta de atenção no desempenho das tarefas;
  • Aumento na incidência de erros;
  • Baixos níveis de produtividade;
  • Menor índice de satisfação com a empresa.

Assim, é essencial que os setores de RH invistam em ações que promovam a motivação dos trabalhadores e os deixem satisfeitos com a empresa em que atuam.

Uma forma de fazê-lo é concedendo benefícios que, ainda que não causem grandes impactos financeiros no orçamento da empresa, são ótimos para a saúde e o bem-estar dos funcionários e de seus familiares. 

O plano odontológico empresarial, por exemplo, representa muitas vantagens para a empresa e para os colaboradores sem aumentar os custos de forma considerável.

Aliás, os convênios odontológicos costumam ter preços tão baixos que, não raramente, é mais interessante optar por planos mais completos do que apenas os mais simples. Esse tipo de benefício pode ser estendido para até dois dos seus familiares. 

Ações como essas também promovem uma imagem positiva do seu negócio para toda a comunidade.

Benefícios individuais com resultados coletivos

Outras formas com que os benefícios oferecidos aos trabalhadores podem impactar nos resultados coletivos da sua empresa, são:

Otimização do tempo

Colaboradores motivados completam suas tarefas com maior eficiência e atenção. Eles ainda conseguem transmitir esse estado de espírito para seus colegas, estimulando-os e tornando o setor mais proativo.

O oferecimento de um plano odonto empresarial pode, ainda, diminuir a quantidade de abstenções e atrasos no trabalho, por razões de emergências odontológicas.

Mais ainda, fazer o tratamento dentário adequado ajuda na solução de problemas como dores de cabeça e coluna, o que impacta diretamente no rendimento e qualidade de vida do colaborador em suas atividades, aperfeiçoando a capacidade de concentração e aprendizado.

Por fim, ainda pode auxiliar nos processos de atendimento e venda.

Ambiente de trabalho mais positivo

Todo o ambiente empresarial se torna mais leve e positivo quando os funcionários se sentem motivados e contentes com suas posições.

Com a garantia de que eles e seus entes queridos estão seguros em algum caso de emergência médica, pode-se atuar com mais qualidade e tranquilidade.

Do mesmo modo, ao saber que as compras do mês – por meio do vale alimentação – também estão garantidas, os colaboradores tendem a apresentar maiores níveis de satisfação e positividade no trabalho.

Esse entusiasmo afeta, inclusive, a autoestima profissional e a sensação de capacidade, motivando toda a equipe.

Melhora nos relacionamentos interpessoais

O investimento em um plano dental coletivo empresarial tem impactos muito positivos na saúde e na autoestima dos funcionários.

A correção de falhas na aparência dos dentes promove uma melhora na autoconfiança e nos relacionamentos interpessoais, estimulando a aproximação entre os indivíduos e melhorando a harmonia em trabalhos em grupos.

Desta forma, é inegável notar que uma instituição motivada e engajada trabalha mais rápida e efetivamente, fatores favorecidos pela implementação dos benefícios.

Isso também se aplica a empresários donos de microempresas ou que possuam CNPJ voltados ao MEI. 

Afinal, esses profissionais também demandam cuidados especializados e que se adequem ao orçamento e especificidades desse perfil.

Deste modo, o profissional pode ter acesso a atendimentos rápidos e de qualidade, garantindo sua produtividade e agenda de tarefas para seu desenvolvimento. Ou seja, prevenir e tratar problemas com a saúde bucal, dedicando sua atenção às necessidades do seu negócio por meio do plano odontologico para MEI.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Networkflow, especializada em materiais para network, empreendedorismo e dicas para a saúde e qualidade de vida.

VISÃO GERAL DA PSICOLOGIA ANALÍTICA

Jung começou sua carreira médica trabalhando no hospital Burghölzli em Zurique, onde trabalhou com indivíduos perturbados e psicóticos.

Ele usou testes de associação de palavras para tentar entender o que era problemático para o indivíduo.

Nestes testes, a pessoa lê uma lista de até 100 palavras e o tempo que leva para responder a uma palavra associada é anotado, por exemplo, “água” … “oceano” (6 segundos); quanto mais tempo leva para a pessoa responder, mais se pensava que a palavra estava associada a um complexo particular e problemático, que é uma coleção de imagens ideias e sentimentos.

Complexos e arquétipos

Esses complexos podem estar associados a experiências particularmente difíceis no passado ou a qualidades arquetípicas, como masculinidade ou agressão, que o indivíduo não foi capaz de controlar ou lidar.

Paralelamente, Jung descobriu, ao trabalhar com indivíduos psicóticos, que suas experiências caíram em certos padrões e que, além disso, cada uma de nossas psiques é estruturada por esses padrões. Ele chamou esses padrões de arquétipos.

Ele entendeu que um ou mais arquétipos estão no centro de cada complexo. Por exemplo, pode-se dizer que alguém tem um “complexo materno” que teve dificuldades particulares com suas primeiras experiências com a mãe e que, portanto, não foi capaz de humanizar as poderosas forças relacionadas ao arquétipo da mãe.

Colaboração com Freud

Jung veio colaborar com Sigmund Freud, o criador da psicanálise, no desenvolvimento e popularização da psicanálise em seus primeiros dias.

Por um tempo seus trabalhos se complementaram, porém, depois de alguns anos, as diferenças fundamentais entre suas crenças (e suas próprias personalidades) tornaram-se manifestas e, em 1913, cada um seguiu seu caminho.

A psique intencional e auto reguladora

Fundamental para a visão de Jung da psique era que a mente e o “inconsciente” mereciam bastante confiança, e que ele estava o tempo todo tentando ajudar o indivíduo; dessa forma, ele via a psique como auto reguladora.

Ele contrastou essa visão com a de Freud que, ele sentiu, patologizou a psique, sempre procurando problemas ou dificuldades, e analisando e reduzindo as dificuldades do indivíduo a experiências traumáticas na infância ou a conflitos sexuais.

Jung achava que mesmo sintomas problemáticos, como ansiedade ou depressão, poderiam ser potencialmente úteis para chamar a atenção do indivíduo para um desequilíbrio na psique.

Por exemplo, se alguém fica deprimido, talvez a maneira como está vivendo signifique que não está seguindo um caminho natural e verdadeiro para sua personalidade particular. Ele entendeu isso como sendo devido à natureza intencional da psique.

O eu

Jung também pensava que a maneira como nos vemos (nosso ego) é limitada e que o “homem moderno” se desligou de sua verdadeira natureza instintiva. Ele achava que precisamos ouvir a nós mesmos e descobrir quem realmente somos e o que realmente sentimos.

Ele passou a acreditar que precisamos ser guiados pelo que ele chamou de self, que é um sentido inconsciente da personalidade como um todo, uma imagem arquetípica de todo o potencial do indivíduo.

Individuação

Ele pensava que o self atua como um princípio orientador dentro da personalidade e que seguir sua liderança produz um desenvolvimento da personalidade.

Ele descreveu esse processo natural de desenvolvimento como individuação.

Esse processo envolve o movimento em direção à manifestação de todos os elementos naturais da personalidade. Como disse Jung: “Somente o que é realmente você mesmo tem o poder de curar”.

Este processo nunca está completo, pois o indivíduo está sempre reagindo à nova situação em mudança e deve acomodar novas peças e configurações de si mesmo para fazer isso.

A sombra

Aqueles elementos do self que não foram integrados à personalidade consciente, Jung chamou de sombra.

Esses elementos às vezes ficam na sombra porque as qualidades e funções são negadas ou rejeitadas porque a pessoa sente que são inaceitáveis.

Estas podem ser tipicamente partes “negativas” , aparentemente destrutivas da personalidade, como agressão ou inveja (embora Jung diga que todos os aspectos da personalidade – claros e escuros – são necessários para a personalidade se ela quiser se tornar completa e bem fundamentada ) Para outras pessoas, podem ser as qualidades vulneráveis, sensíveis ou amorosas que são negadas – a família ou cultura específica de uma pessoa terá uma forte influência sobre isso.

Teoria de tipo

Outra razão para qualidades particulares permanecerem na sombra é que elas são simplesmente subdesenvolvidas.

Jung pensava que cada um de nós desenvolvia certas funções da personalidade como primárias, que ele via como funções dominantes ou superiores, enquanto outras eram menos desenvolvidas, que ele chamava de funções auxiliares, e aquelas que eram muito pouco desenvolvidas ele chamava de funções inferiores.

As quatro funções

Ele identificou quatro funções diferentes – pensamento, sentimento, sensação e intuição (correspondendo à antiga divisão de funções em ar, água, terra e fogo) – que ele viu como as diferentes maneiras de um indivíduo se relacionar com o mundo.

Muitos mal-entendidos ocorrem entre pessoas que têm diferentes funções como primárias e que, consequentemente, verão o mundo de maneiras muito diferentes. Jung entendeu que, no processo de individuação, uma pessoa precisará desenvolver suas funções inferiores – o que quer que seja para o indivíduo em particular – de modo que ela não simplesmente projete essas funções em outras pessoas; por exemplo, o tipo intelectual e pensativo que menospreza os sensuais, amantes dos esportes.

Como escreve Jung, “tudo o que nos irrita nos outros pode levar a uma compreensão de nós mesmos”.

Introversão e extroversão

Ele também identificou duas atitudes diferentes em relação ao mundo – aqueles indivíduos que reagiam mais abertamente ao mundo e que eram mais entusiasmados e engajados com ele, ele chamou de extrovertidos; enquanto aqueles que não mostravam exteriormente suas reações, mas as mantinham dentro de si e desenvolveram mais interesse em seu mundo interior, ele chamava de introvertidos.

Jung reconheceu que desenvolveu sua teoria dos tipos em parte para compreender melhor as diferenças entre ele e Freud, embora a tenha achado muito útil para compreender as pessoas e, em particular, a maneira como se relacionam com as outras.

Sonhos

Uma maneira de entender o que está acontecendo na psique, que Jung passou a valorizar quase acima de todas as outras, são os sonhos.

Ele pensava que “eles nos mostram a verdade nua e crua e natural”. Ele acreditava que os sonhos não disfarçam seu conteúdo, ao contrário de Freud, que pensava que os sonhos expressavam desejos proibidos que estão ocultos no sonho.

Jung pensava que os sonhos se expressam por meio do uso de símbolos e que era a dificuldade de compreender esses símbolos que tornava o sonho difícil de ser compreendido. Ele tinha várias maneiras características de abordar os sonhos .

Espiritualidade e religião

Jung descobriu que a experiência de ouvir e ser guiado por si mesmo corresponde ao que foi entendido, ao longo dos milênios, como experiência espiritual.

Ele escreveu: Entre todos os meus pacientes na segunda metade da vida – isto é, mais de trinta e cinco – não houve um cujo problema em último recurso não fosse o de encontrar uma visão religiosa da vida … isso é claro absolutamente nada a ver com um credo particular ou membresia de uma igreja ”

A base para esse entendimento era que o indivíduo precisa ir além de sua experiência cotidiana imediata, corporificada no ego, e entrar em relacionamento com o self, que às vezes é vivenciado de uma forma “luminosa” e inspiradora.

Esta é uma experiência transformadora para o indivíduo e que move seu centro de gravidade do egocentrismo pessoal mesquinho para uma visão mais ampla de si mesmo, mais em contato e relacionado com outras pessoas.

A relação analítica

Jung escreveu sobre a relação entre analista e analisando (a pessoa em análise) que, O encontro de duas personalidades é como o contato de duas substâncias químicas: se houver alguma reação, ambos se transformam ”.

Ele viu isso como uma relação muito real em que ambas as pessoas estão envolvidas e ele estava muito ciente do papel da própria personalidade do analista em uma análise.

Ele sabia quão profundamente o analista poderia ser afetado pelo analisando e ele entendeu que o analista deve lutar em primeira mão com esses efeitos e que essa luta era uma parte essencial do trabalho da análise.

Jung foi a primeira pessoa a insistir que o analista deveria fazer a análise como parte de seu treinamento. O analista só poderia auxiliar o analisando na medida em que ele se comprometesse com / em seu próprio desenvolvimento.

Como funciona o mercado de ações: princípios básicos do mercado de ações para iniciantes

O mercado de ações é o melhor criador de riqueza em todo o mundo, mas continua sendo um conceito confuso para muitas pessoas. Na verdade, a maioria das pessoas não conhece os fundamentos do mercado de ações.

Quando se trata de investir, muitas pessoas se perguntam por onde começar. É difícil escolher um único ponto de partida com tantos termos de investimento para aprender e estratégias disponíveis.

É por isso que estou aqui. Para ajudá-lo a começar e lançar sua prática de investimento. A melhor hora para começar é agora.

Hoje, abordaremos o básico, como o que é o mercado de ações, como funciona o mercado de ações e como investir no mercado de ações para iniciantes.

Quando você entende os fundamentos do mercado de ações, poderá entrar no mercado com o conhecimento de que precisa para criar uma riqueza incrível.

Vamos começar.

Noções básicas do mercado de ações

Existem algumas coisas que todo investidor deve saber antes de entrar no mercado de ações. Ao dominar esses princípios básicos, você será capaz de tomar decisões de investimento mais sábias.

O que é um estoque?

Uma ação é um tipo de título que dá aos investidores (também chamados de “proprietários” ou “acionistas”) uma parte da propriedade de uma empresa. Em outras palavras, quando você compra ações de uma empresa, como a Apple ou a Amazon, você possui uma pequena parcela dessa empresa.

Ao comprar ações de uma empresa, você pode optar por comprar uma ou várias peças minúsculas. O número de ações que você compra também é chamado de “ação” ou ações. Quando o preço das ações sobe, o valor de suas ações aumenta, assim como o retorno sobre seu investimento.

Para comprar ações de uma empresa, ela precisa ser negociada publicamente na bolsa de valores, o que nos leva ao nosso próximo mercado de ações básico.

O que é o mercado de ações?

O mercado de ações não é, na verdade, um lugar físico de qualquer tipo. É uma vasta rede de transações econômicas em que compradores e vendedores negociam ações entre si. De modo geral, a maioria das pessoas usa o termo “mercado de ações” para se referir ao conjunto total de vários mercados e bolsas onde essas atividades ocorrem.

Também é importante notar que o mercado de ações não é a economia, mas afeta a economia .

Quando as pessoas se referem à subida ou descida do mercado de ações, frequentemente estão se referindo a um dos principais índices do mercado de ações, como o Dow Jones Industrial Average, conhecido como “The Dow” ou S&P 500.

Esses índices rastreiam um grande número das principais empresas negociadas em uma bolsa de valores e são boas representações de como o mercado de ações está tendendo como um todo. A tendência dos principais índices de ações em um determinado período de tempo costuma ser uma indicação de como a economia está se saindo em determinado momento.

Entre as várias bolsas, a Bolsa de Valores de Nova York é a mais famosa. No entanto, existem muitas bolsas onde se pode comprar ações, a maioria das quais estão interligadas eletronicamente. Quando uma ação é realmente comprada por uma pessoa comum, isso é feito por meio de uma corretora.

O Guia do Iniciante para Investir Tudo o que você precisa para começar a investir com sucesso – em apenas 7 etapas!

O que é uma corretora?

Uma corretora é um intermediário entre compradores e vendedores de ações. Todo investidor individual precisa passar por uma corretora ou corretor da bolsa para comprar ações. Você pode fazer parceria com um corretor que se envolverá em atividades de compra e venda em seu nome de acordo com seus objetivos por uma taxa, ou pode usar uma corretora online e fazer todas as compras e vendas você mesmo.

Eu o encorajo a aprender como investir seu dinheiro por conta própria e abrir uma conta de corretora com um corretor online. Você não terá que pagar taxas e se divertir mais!

Vale ressaltar que ainda que existem outras opções de investimento, como um consórcio de carros. Ficou alguma dúvida? Comente abaixo!

Dez principais vantagens de usar serviços de transcrição

Terceirizar serviços de transcrição para uma empresa profissional é uma escolha inteligente, especialmente quando você não tem experiência interna. A transcrição é um conjunto de habilidades caro – basta pensar sobre os salários, benefícios e todos os custos indiretos de um departamento de transcrição de áudio dedicado. Graças a empresas confiáveis com pessoal bem treinado e as ferramentas certas para o trabalho, a terceirização do serviço tornou-se mais fácil. A transcrição profissional é um aspecto importante do trabalho, especialmente para práticas médicas, escritórios de advocacia, organizações de pesquisa, bem como para indivíduos que fazem todos os tipos de estudos e entrevistas. Se você está pensando em terceirizar serviços de transcrição para sua organização, aqui estão grandes vantagens que você pode considerar para tornar sua decisão muito mais fácil:

  1. Você economiza dinheiro – empregar internamente uma equipe de transcrição em tempo integral é muito mais caro do que encontrar uma empresa confiável para terceirizar a transcrição. Você terá que pagar por salários, benefícios, horas extras, equipamentos e até mesmo treinamento, ao invés de simplesmente pagar pelo serviço.
  2. Você economiza ainda mais dinheiro.Isso significa que você pode ter uma série de entrevistas de 5 minutos transcritas quando precisar, sem complicações. Você só precisa pagar pelas transcrições de que precisa, quando precisa delas.
  3. Você tem acesso a uma equipe qualificada.
  4. Flexibilidade – temos especialistas em todos os campos, desde a transcrição médica até a transcrição legal, etc.
  5. A terceirização libera seus funcionários para outro trabalho administrativo mais importante – você pode usar sua equipe para o que eles sabem melhor, em vez de forçar o trabalho de transcrição.
  6. As saídas têm garantia de qualidade superior – Graças a técnicas bem desenvolvidas e acesso às ferramentas e conhecimentos corretos, junto com transcritores profissionais incomparáveis.
  7. Entrega pontual – Gerentes de projeto especializados são atribuídos ao seu projeto, garantindo a entrega oportuna da produção finalizada, no formato e estilo exatos que você especificou.
  8. Entrega personalizada – Os relatórios podem ser personalizados de acordo com seus requisitos e preferências.
  9. Confiabilidade – ouvidos bem treinados para ouvir e olhos para fazer a leitura de transcrições estão à sua disposição. Temos um departamento de Controle de Qualidade completo.
  10. Elimina a multitarefa – sua equipe interna pode se concentrar em seus trabalhos, em vez da carga adicional de transcrever dados. A transcrição exige concentração total para garantir a precisão, por isso é importante ter alguém que possa dar atenção especial ao serviço.

Conheça o melhor serviço de transcrição do Brasil, clique aqui;

Kit de primeiros socorros para animais de estimação

Kit de primeiros socorros para animais de estimação. Hoje em nosso blog ensinamos como prepará-lo e listamos os elementos essenciais que não devem faltar.

Verão, férias, bagagem, turismo e toda a família traz consigo os seus pertences. Quando viajam com cães , eles também precisam de sua bagagem e entre cobertores, comedouros, ração e outras coisas é sempre bom incluir um kit de primeiros socorros com o mais essencial caso ocorra algum problema e não possamos localizar um veterinário que possa ajudar nós

Elementos principais para um kit de viagem canino

  • Pinça cirúrgica:   é uma ferramenta que pode ser muito útil para extrair sujeira ou corpos estranhos que podem entrar em uma ferida caso nosso parceiro sofra um acidente.
  • Tesouras de ponta romba:  Elas nos ajudarão a cortar o material da bandagem, especialmente se formos fazer uma excursão ou caminhar.
  • Termômetro digital: quando um cachorro está doente, muitas vezes o veterinário nos pede para controlar sua temperatura. Além de termos um termômetro, devemos saber como colocá-lo e onde colocá-lo, para que nosso veterinário nos ensine seu uso.
  • Focinho e guia são itens que devemos sempre carregar quando viajamos com nosso parceiro. É obrigatório em muitos modos de transporte.
  • Meias ou botas protectoras de ligaduras: estes artigos são a forma eficaz de proteger as ligaduras das patas dos nossos cães.
  • Material para curativo : gaze, curativos coesivos e esparadrapo não podem faltar no kit de primeiros socorros.
  • Material desinfetante : o peróxido de hidrogênio, o álcool e a clorexidina são essenciais para desinfetar e limpar as feridas do nosso cão. Também podemos incluir cremes ou pomadas para feridas, que irão facilitar a sua cicatrização e desinfecção.
  • Medicamentos : existem alguns medicamentos que podem ser úteis na viagem, como os indicados para vômitos, diarreia e tontura. Antes de comprá-los devemos consultar nosso veterinário.

Se o nosso amigo peludo sofre de alguma doença crónica, é imprescindível incluir no kit os medicamentos que toma regularmente , em quantidade suficiente para toda a duração da viagem e ainda mais uma dose, caso a estada se prolongue ou surja algum imprevisto. Deve-se incluir também um laudo clínico do médico veterinário que costuma atende-lo onde são registrados a doença e o tratamento.

Se você viajar para o exterior, recomendamos que o relatório seja redigido em inglês e no idioma oficial do destino, para evitar mal-entendidos. Aprenda também a como ensinar cachorro filhote.

Vestidos plus size

Outros tipos de peças de roupas que também podem ser usadas durante uma gestação da mulher, que proporcionam conforto, além de uma elegância são os vestidos plus size. Por esse motivo, iremos mostrar a você as melhores dicas de vestidos plus size e como utilizá-los, para que as futuras mães se inspirem e compartilhem de suas experiências e preferências com outras mulheres gestantes. Veja:

Modelo do vestido plus size

Cada mulher, ainda mais as grávidas, possuem um biótipo bem distinto em relação aos seus corpos.

Desse modo, quando você for escolher um vestido Plus Size, é de suma importância que se atente a todos os detalhes, já que as gestantes possuem diferentes corpos e silhuetas. Dessa forma, por causa das características individuais de cada mulher gestante, é importante destacar que nem todos os vestidos irão cair bem. 

Visite nossa loja: https://www.armazemvivo.com.br/

Valorize o decote

A maioria das mulheres que possuem uma numeração maior, tem um colo bastante bonito. Dessa forma, um decote em forma de coração ou decote V valoriza bastante o colo feminino. 

Outros detalhes dos vestidos Plus Size também podem valorizar essa região, como rendas, pedrarias, bordados, entre outros, sem exagerar na criação de volumes. Porém, para algumas mulheres que possuem seios maiores, como as gestantes, é recomendável usar técnicas para reduzir essa atenção aos seios, então recomenda-se utilizar decotes mais quadrados, sem muitos detalhes ou destaques, isto é. É de suma importância evitar toda atenção em seus decotes. 

Atenção para o volume nos vestidos de festa plus size

Aqueles vestidos que são bem mais volumosos que outros, podem aumentar ainda mais o proporcionar uma percepção que o corpo é bem maior do que realmente aparenta ser, principalmente, nas mulheres mais baixinhas, ainda mais as gestantes, deixam ainda maiores. Por isso é importante que as mulheres procurem aqueles vestidos mais estruturados, que proporcionam o melhor para o corpo feminio, sem a criação de volumes indesejados. 

Mangas ou sem mangas?

Em sua grande maioria aqueles vestidos que não possuem mangas ou são de alcinhas, geralmente, não são uma boa alternativa para as mulheres Plus Size. Dado que as alças e os vestidos sem mangas, podem aparentar que os ombros são bem maiores do que realmente são. Os vestidos com manga proporcionam o uso de sutiã que possuem alça, garantindo um look com silhueta bem mais atraente. 

Linhas verticais nos vestidos de festa plus size

Aqueles vestidos que tem linhas, detalhes, bem como as pregas verticais propiciam uma sensação de que a silhueta é bem maior, proporcionando uma mulher com uma imagem mais esguia, em que poderá ajudar bastante nas mulheres Plus Size. Enquanto que aqueles vestidos que possuem uma linha horizontal tem a possibilidade da criação de um efeito bastante contrário, dessa forma, devem ser totalmente evitados. 

Há diversos modelos, cores, números de vestidos Plus Size que podem garantir todo o conforto feminino, com alguns truques. É fundamental procurar diferentes modelos, tecidos que proporcionam o melhor visual, não somente o visual, assim como é de suma importância que a mulher procure o melhor vestido em que possa se sentir confortável. Existem variedades de modelos de vestidos Plus Size, como vestido longo de festa plus size, vestido de festa plus size com laterais escuras, vestido de festa plus size Midi e vestido envelope.